Home / O Piquete Bancário / Editorial / Editorial: Presidente contra os trabalhadores

Editorial: Presidente contra os trabalhadores

Por Alex Leite, diretor de Imprensa e Comunicação.

Enquanto o Brasil se torna campeão mundial na concentração de renda, com apenas 1% da população detendo quase 30% de toda a riqueza nacional, o governo Bolsonaro continua a promover as benesses para que empresários e banqueiros continuem a aumentar sua lucratividade.
Após a reforma da Previdência, que deve empurrar milhões de trabalhadores para a previdência privada; da venda de diversas empresas estatais apenas para repassar o dinheiro para os banqueiros detentores da dívida pública; e de lançar um programa de emprego para que os trabalhadores abram mão dos seus direitos e seja cobrado imposto até sobre o seguro desemprego, os bancários são atingidos diretamente pela MP 905 editada pelo governo.
Desrespeitando a jornada de trabalho da categoria, conquistada com muita luta e a comprovação de que a atividade do bancário é extremamente extenuante, podendo provocar várias doenças doenças ocupacionais reconhecidas pelo Instituto Nacional de Segurança Social (INSS) – que reiteradamente tem atendido a milhares de bancários portadores das LER’s, dort’s e outras doenças diretamente ligadas ao exercício da função -, o presidente agrada aos banqueiros editando uma Medida Provisória que altera a nossa jornada de trabalho.
Além de aumentar a carga horária diária e permitir a abertura de agencias bancárias aos sábados domingos e feriados, a medida não prevê nenhum reajuste salarial para compensar o aumento da carga horaria da categoria.
Diante de tantos ataques à classe trabalhadora, a única opção é a mobilização de todas e todos para enfrentar essa ditadura da direita empresarial, militar, representada pelo governo e a maioria do Congresso.
Mais uma vez, a organização e a luta será nossa única esperança.

Comentários

Veja Mais!

O engodo verde-amarelo

Por Alex Leite, diretor de Imprensa e Comunicação. Enquanto protestos populares têm colocado em xeque …