Home / Realidade Bancária / Criminosos explodem três bancos e atacam base da PM em São Bento do Sapucaí

Criminosos explodem três bancos e atacam base da PM em São Bento do Sapucaí

Criminosos explodiram três agências bancárias e atacaram a base da Polícia Militar na madrugada desta segunda-feira (11) em São Bento do Sapucaí (SP). Segundo a Polícia Civil, uma das agências ficou completamente destruída na ação e a base da PM foi atingida com vários disparos durante o crime.

A ação começou por volta das 3h30 quando os policiais ouviram os primeiros disparos. Em seguida, foram surpreendidos com uma série de explosões.

A polícia não soube informar o número de criminosos envolvidos, mas um dos grupos ficou próximo à base da PM, para intimidar os policiais enquanto outro explodia as agências. Foram vários disparos contra a base da polícia. Nenhum policial ficou ferido.

Criminosos explodem três bancos e atacam base da PM em São Bento do Sapucaí — Foto: Vanguarda Repórter

Criminosos explodem três bancos e atacam base da PM em São Bento do Sapucaí — Foto: Vanguarda Repórter

As três agências bancárias atacadas são as únicas da cidade e ficam na região central. Os criminosos usaram explosivos para acessar os caixas. Em uma delas, a explosão deixou a fachada da agência completamente destruída.

Durante o crime, o grupo ainda fez vários disparos. A ação assustou moradores na madrugada.

O caso está sendo registrado pela Polícia Civil e os valores levados pelos criminosos ainda é apurado. Ninguém foi preso.

Criminosos atacam três bancos e base da PM em São Bento do Sapucaí — Foto: Vanguarda Repórter

Criminosos atacam três bancos e base da PM em São Bento do Sapucaí — Foto: Vanguarda Repórter

Criminosos explodem três bancos e atacam base da PM em São Bento do Sapucaí — Foto: Vanguarda Repórter

Criminosos explodem três bancos e atacam base da PM em São Bento do Sapucaí — Foto: Vanguarda Repórter

Fonte: G1

Comentários

Veja Mais!

Sobrecarga de trabalho adoece as mulheres

As mulheres são maioria na população brasileira. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e …