Home / Caixa Econômica / Fim do convênio INSS: presidente da Funcef promete empenho em reverter decisão

Fim do convênio INSS: presidente da Funcef promete empenho em reverter decisão

Após pressão da Fenae e dia participantes, o presidente da Fundação se pronuncia contra rompimento

A Funcef enfim se pronunciou sobre a extinção do convênio CAIXA/INSS/FUNCEF. A fundação veio à público por meio do presidente da instituição, Renato Villela, em seu perfil de rede social.

O pronunciamento da Funcef se deu após forte pressão da Fenae e dos participantes para que a fundação somasse esforços à PREVI, que desde quando recebeu a notícia, tenta buscar soluções para essa situação que prejudica milhares de participantes.

Apesar de Villela ter se reunido com a Previ e com agentes do governo e se comprometido publicamente a buscar soluções, os diretores eleitos pelos participantes continuam em silêncio.

“Não é direto que os representantes eleitos não estejam pessoalmente empenhados nesse processo, já que os prejuízos para os participantes serão inúmeros e imensos. Não há desculpa”, desabafa a Diretora de Saúde e Previdência da Fenae, Fabiana Matheus.

O fim do Convênio

Decisão tomada unilateralmente pela autarquia, a extinção do convênio CAIXA/INSS/FUNCEF pegou as pessoas de surpresa. À Funcef bastou colocar um aviso seco em seu site, sem dar explicações e responder às inúmeras perguntas dos participantes que, de uma hora para outra, estão às voltas com a realidade de ter grande parte de seus proventos cerca de 15 dias após o depósito do benefício da Funcef.

Além da correria para alterar os vencimentos das contas que vencerão em data que não haverá dinheiro na conta, os participantes não sabem ainda precisar o tamanho do estrago que virá. A margem consignável do CredPlan cairá drasticamente podendo levar os participantes a perderem o crédito junto à Funcef. As datas de vencimento do equacionamento, consignado da Caixa, Saúde Caixa também são grandes preocupações.

O novo fluxo, que a partir de março se dará entre o participante e o INSS, têm gerado muita angústia aos associados da Funcef. Prova de vida, pedido de afastamento e aposentadoria, requerimento de isenção de imposto de renda, pedido de pensão por morte são alguns dos itens mais citados quando a preocupação se dá com a burocracia e morosidade do órgão.

A Fenae, que já se colocou à disposição da PREVI para ajudar no que for preciso, também está disponível para dialogar com a Funcef e contribuir de qualquer forma para o processo. A entidade continuará fazendo seu papel de defesa dos interesses dos participantes e cobrando celeridade e prioridade na solução dessa questão.

#NÃOVAMOSACEITAROFIMDOCONVÊNIO

Fonte: Fenae

Comentários

Veja Mais!

Governo Bolsonaro amplia o fatiamento da Caixa

O projeto do governo de desmembramento e privatizações das estatais segue a todo vapor. Na …