Home / Banco do Brasil / Confira como foi o Encontro Interestadual dos Bancários do BB

Confira como foi o Encontro Interestadual dos Bancários do BB

No último sábado (14), bancárias e bancários do Banco do Brasil da Bahia e de Sergipe estiveram reunidos para discutir as demandas específicas que serão levadas para a Campanha Nacional.

A base territorial de Vitória da Conquista e região foi representada pelo presidente do Sindicato, Leonardo Viana, pelo diretor da FEEB/BA-SE e bancário de Itapetinga, Cláudio Menezes, pela delegada Sindical e bancária de Conquista, Camila Gomes, e pelo bancário de Livramento de N. Senhora, Marilucio Marques.

Entre as pautas discutidas estavam condições de trabalho, saúde, assédio moral, Cassi e Previ. Os trabalhadores denunciaram a exploração e o assédio moral, enquanto o BB perde as características de banco público.

Dentre as discussões, as novas medidas para a Plataformas de Suporte Operacionais (PSO) – que agregam os caixas e a tesouraria das agências – têm aterrorizado os bancários de várias cidades com a possibilidade da troca de cargo sem a devida remuneração equivalente, além do obvio acumulo de funções.

O trabalho remoto foi discutido, já que com o lucro de R$ 6,6 bilhões no primeiro trimestre, o banco não disponibilizou nenhum equipamento, nem custeou a modalidade. A reivindicação é para que seja discutido um modelo que não onere os trabalhadores.

Um fato que preocupa muitos bancários é como será pago o banco de horas negativas. Durante o encontro foi defendido a anistia das horas, e a pauta será levada para o congresso nacional do BB.

Ao final do Encontro, foram definidos os 17 delegados sindicais que irão representar a Federação Bahia e Sergipe no 22º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil, que será realizado entre os dias 8 e 10 de junho, em São Paulo. O presidente Leonardo Viana foi um dos eleitos. “As propostas reunidas vão discutir o assédio moral, as metas abusivas, questões específicas dos caixas, PSO, terceirização, fechamento de agências e níveis gerenciais. São debates importantíssimos que, com certeza, vão contribui muito com o avanço da luta por direitos dos bancários do BB. Agora a categoria deve se manter informada e mobilizada para a Campanha Nacional”, conclui.

Veja Mais!

Trabalhadores do BB aprovam proposta de reivindicações

Os trabalhadores e trabalhadoras do Banco do Brasil aprovaram, nesta quinta-feira (9), durante a 33º …