Home / Bradesco / SEEB/VCR: Bancários do Bradesco aprovam acordo de teletrabalho

SEEB/VCR: Bancários do Bradesco aprovam acordo de teletrabalho

Votação ocorreu por meio da consulta virtual realizada na segunda-feira (14), das 8h às 22

Na base do Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região, com 84% dos votos favoráveis, 13% de abstenções e 3% contrários, os bancários do Bradesco, aprovaram o acordo de teletrabalho (home office) para o pós-pandemia. A assembleia virtual ocorreu nesta segunda-feira (14), de 8h às 22h.

Durante a Campanha Nacional da categoria deste ano, o teletrabalho não foi aprovado na negociação com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) porque não havia uma posição unificada dos bancos em relação à proposta das(os) bancárias(os). Desta forma, a regulamentação deste ponto está sendo discutido especificamente com trabalhadoras(es) de cada banco.

No caso Bradesco, trabalhadoras e trabalhadores conseguiram um comprometimento do banco em melhorar as condições de trabalho, proporcionar formação e infraestrutura necessárias. Entre alguns pontos da minuta está a ajuda de custo de até R$ 1.080/ano no primeiro ano e para os anos seguintes, R$ 960/ano, pagos de uma única vez. Além disso, o banco fornecerá equipamentos como computador e equipamentos periféricos necessários.

Na minuta aprovada, o Bradesco também concordou em respeitar os intervalos de refeição e descanso e vai adotar o controle da jornada, por meio de programa de computador para o registro dos horários de trabalho e/ou por regime de exceção.

Será formado um Grupo de Trabalho que ficará responsável por acompanhar o cumprimento do acordo. “É importante destacar a importância deste acordo no atual cenário que estamos vivendo. A pandemia do Coronavírus mudou de forma acelerada as relações de produção e o trabalho passou a ser executado em casa para muitas pessoas. A necessidade de regular essa nova forma era urgente para garantir condições adequadas de trabalho, como mobiliário, despesas e o respeito aos direitos já conquistados. Agora, estaremos fiscalizando para que o acordado seja colocado em prática o quanto antes”, avalia Paulo Barrocas, bancário do Bradesco e diretor do SEEB/VCR.

Comentários

Veja Mais!

Na Cassi, luta por redução da coparticipação

Entidades e sindicatos que representam os associados da Cassi cobram um posicionamento sobre os valores …