Home / Brasil

Brasil

Michel Temer governa para os bancos privados

O conluio entre Michel Temer e o sistema financeiro se fortalece no Brasil. A nova legislação trabalhista comprova que o governo atua para atender a agenda do poder econômico. A reforma da Previdência é outro bom exemplo. Se aprovada, a medida vai render bilhões em lucro para os bancos privados, que já investem pesado em previdência privada. Ainda tem o desmonte dos bancos públicos. O fechamento de agências, o corte de funcionários, a mudança na gestão que deixa de lado o papel social das instituições e aposta na atuação puramente mercadológica, a falta de investimento em segurança e em estrutura …

Leia Mais »

Novo golpe: Temer vai usar R$30 bi para garantir a reforma da Previdência

O governo Temer promete escancarar os cofres públicos para garantir mais um grande ataque à classe trabalhadora: a reforma da Previdência. Segundo informações, um novo montante bilionário será entregue através de emendas parlamentares para aprovar a modificações previdenciárias antes do fim de fevereiro e consolidar a estratégia de montar uma ampla frente eleitoral com todos os partidos da base aliada. Somando emendas não pagas no ano passado e as que constam no orçamento de 2018, estima-se que serão gastos R$20 bilhões. Contudo, o governo já soma a esta conta mais R$10 bi que deixariam de ser destinados aos trabalhadores com …

Leia Mais »

Mudança nas regras do reajuste do gás

Depois de aumentar 67,8% o preço do botijão de gás de cozinha desde julho do ano passado, a Petrobras anunciou que o produto será reajustado a cada três meses e não todo mês, como vinha acontecendo. A partir desta sexta-feira (19/01), o preço do GLP (Gás Liquefeito de Petróleo) será reduzido em 5% nas refinarias. Agora, a pergunta que fica é se a queda será repassada ao consumidor. O botijão de gás foi um dos grandes vilões no orçamento dos brasileiros em 2017. Em algumas cidades, chegou a custar mais de R$ 100,00. Por conta dos sucessivos aumentos, diversas famílias …

Leia Mais »

No Brasil, 60,4 milhões com nome sujo

Com a crise na economia nacional, o aumento no preço dos produtos e o desemprego, os brasileiros estão tendo sérias dificuldades de honrar as dívidas. Tanto que o ano de 2017 terminou com 60,4 milhões de pessoas inadimplentes no país. Houve elevação ante 2016, quando 59,6 milhões estavam endividados. Os dados são do Serasa Experian. Na comparação entre dezembro e novembro de 2017, a pesquisa mostra queda. No penúltimo mês do ano, 61,1 milhões de pessoas estavam no vermelho e com nome sujo. A renda extra decorrente do recebimento do 13º salário é o principal motivo para a redução, aponta …

Leia Mais »

Com Temer, cai resgate de trabalho escravo

Os prejuízos do governo Temer são sentidos por todos os brasileiros, sobretudo os que mais precisam do Estado. Na erradicação do trabalho escravo, o índice de operações de fiscalização caiu 23,5% em 2017, se comprado com o ano anterior. Foram realizadas apenas 88 operações em 175 estabelecimentos, contra 115 em 2016, segundo o Ministério do Trabalho. Ou seja, situação que já não era boa, piorou. O número de trabalhadores resgatados também desceu a ladeira em 2017. No total, 341 pessoas foram retiradas da situação análoga à escravidão no Brasil, o menor nível desde 1998, quando foram feitos 159 resgates. Em …

Leia Mais »

Derrota do governo em venda da Eletrobras

Nem tudo está perdido no Brasil. O TRF5 (Tribunal Regional Federal) manteve liminar que impede o governo Temer de iniciar os estudos para a privatização da Eletrobras. A decisão dá fôlego aos trabalhadores das estatais, inclusive dos bancos públicos, que lutam contra o desmonte das empresas. Para ganhar o apoio da opinião pública, o governo alega que a venda da empresa é fundamental para reduzir o endividamento da União. Também argumenta que a conta de luz do brasileiro vai baratear. Mentira. As usinas da Eletrobras vendem a energia mais barata do país, em torno de um quarto do praticado pelo …

Leia Mais »

Governo Temer dilapida BNDES, o que favorece bancos privados

O Tesouro Nacional avisou que não cobrirá um buraco de R$ 18,3 bilhões no caixa do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), que é responsável pelo pagamento de benefícios sociais como seguro-desemprego e abono salarial. No ano passado, esse Fundo foi impactado com a queda da arrecadação por causa do aumento do desemprego. Além disso, a reforma trabalhista acabou com a obrigatoriedade da contribuição sindical, o que também irá afetar a arrecadação do FAT. E a conta deverá ficar para o BNDES. Se consumado, será mais um desfalque que o governo federal irá impor ao principal banco público de fomento …

Leia Mais »

A cada 48h uma pessoa trans é assassinada no Brasil, aponta estudo

A Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA) divulgou, nesta segunda-feira (8), o Mapa dos Assassinatos da população trans no Brasil em 2017 e os dados são alarmantes: a cada 48 horas uma pessoa transexual ou travesti é assassinada no Brasil. Foram contabilizados pelo estudo 179 assassinatos, sendo 169 de mulheres trans e 10 de homens trans. De acordo com o mapa, 60% das vítimas tinham entre 16 e 29 anos. O estudo da ANTRA revela ainda outro dado grave: deste total de assassinatos, em 85% dos casos há evidências de requintes de crueldade. O estado de Minas Gerais é …

Leia Mais »

Gás e energia pesam no bolso do brasileiro

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), fechou em 2017 com 2,95%, a menor desde 1998. Porém os brasileiros ainda sofrem com o baixo salário e com o aumento dos produtos básicos, como o botijão de gás que teve alta de 16%, junto com a gasolina e a energia, que subiram acima de 10%. O grupo Habitação foi o mais impactado sobre a inflação do ano passado, 095%, quase um terço da taxa total, e chegou a 6,26%, graças ao aumento do gás (0,19 ponto), da taxa de esgoto …

Leia Mais »

Para TST, direito não pode ser cortado

Após avaliação do TST (Tribunal Superior do Trabalho), a perversa reforma trabalhista, que prejudica os trabalhadores brasileiros, só poderá ser aplicada aos contratos firmados depois da aprovação, no dia 11 de novembro de 2017. Para os ministros, a reforma não poderá retirar os direitos adquiridos do empregado. O documento foi elaborado pela Comissão de Jurisprudência do TST e será discutida no plenário do tribunal, em 6 de fevereiro. A decisão representa uma pequena vitória para os trabalhadores, que continuarão com direitos garantidos, já que os empregadores estão utilizando lei imposta por Temer para cortar direitos e ganhar mais dinheiro. No …

Leia Mais »